Recent News

Gobierno lança nova linha de avales para impulsionar a aquisição de imóveis

El Gobierno lanza una nueva línea de avales para impulsar la adquisición de viviendas

O Conselho de Ministros aprovou uma linha de avales do Instituto de Crédito Oficial (ICO) no valor de 2,5 bilhões de euros com o objetivo de facilitar a compra de imóveis por jovens e famílias com menores a seu cargo. Esta medida busca ajudar os grupos que, embora tenham solvência econômica, não possuem economias prévias para lidar com a entrada de uma casa.

Através desta linha, o ICO irá avalizar 20% do preço do imóvel, correspondente à entrada da casa que os bancos geralmente exigem dos solicitantes de empréstimos hipotecários. Com isso, o governo busca permitir que os jovens e as famílias tenham acesso a um empréstimo que cubra 100% do valor do imóvel.

Além disso, estabeleceu-se que os compradores devem possuir economias equivalentes a 10% da operação para lidar com as despesas associadas à compra do imóvel.

A ministra da Habitação e do Planejamento Urbano, Isabel Rodríguez, destacou que esta iniciativa torna o Estado avalista de jovens e famílias com filhos que desejam adquirir sua primeira casa. Segundo a ministra, essa medida contribuirá para resolver o problema do acesso à moradia na Espanha e garantirá que nenhum espanhol precise destinar mais de 30% de sua renda para esse fim.

Esses avales são destinados a jovens de até 35 anos e a famílias com menores a seu cargo, sem limite de idade, cuja renda individual não ultrapasse 37.800 euros brutos por ano. No caso de o imóvel ser adquirido por duas pessoas, o limite de renda será dobrado. Além disso, foram estabelecidas melhorias de acordo com o número de filhos e se a família é monoparental.

Após a aprovação desta linha de avales, o Ministério da Habitação e o ICO assinarão um acordo para implementá-la e gerenciá-la, ao qual as instituições financeiras que operam com o ICO poderão aderir. Os beneficiários poderão solicitar o aval através dessas instituições. O prazo para formalizar as hipotecas que se enquadrem nessa linha de avales é até 31 de dezembro de 2025, com possibilidade de prorrogação por dois anos.

Com essa medida, o governo busca descongestionar o acesso à moradia, tanto no mercado de aluguel quanto nas áreas rurais, promovendo a autopromoção de imóveis e estimulando a fixação da população nesses ambientes.

Perguntas frequentes sobre a linha de avales do ICO para facilitar a compra de imóveis por jovens e famílias com menores a seu cargo: